Gestão de capital de giro, conheça os seus aliados.

Gestão de capital de giro, conheça os seus aliados.
Gestão de capital de giro, conheça os seus aliados.

O QUE É CAPITAL DE GIRO:

O capital de giro se refere aos valores que a empresa precisa para fazer seus negócios andarem. Ou seja, é uma parte dos recursos financeiros necessários para financiar a continuidade de suas operações a curto prazo. Como contas a receber, estoque de mercadorias a serem vendidas, estoque de matéria-prima, pagamento de salários, aplicações em fundos de investimento e impostos.

Gestão de capital de giro, conheça os seus aliados.

COMO FUNCIONA O CAPITAL DE GIRO:

O Capital de Giro é simplesmente o investimento necessário para financiar e garantir a continuidade das operações de uma empresa: despesas com fornecedores e estoque, despesas com funcionários e operacionais, e tudo o que for necessário para o bom funcionamento da empresa. Muitas vezes, é associado apenas à abertura da empresa. Na hora de fazer um plano de negócios, o Capital de Giro é, na maioria das vezes, lembrado. O problema surge quando a empresa inicia suas atividades: logo se esquecem desse conceito e começam a operar no limite. Capital de Giro não é simplesmente o investimento que você deve colocar na empresa para funcionar nos primeiros meses. É o valor que sua empresa deve ter sempre disponível para garantir seu perfeito funcionamento.

Gestão de capital de giro, conheça os seus aliados.

COMO CALCULAR:

Antes de realizarmos o cálculo do CGL, é preciso diferenciar os ativos e passivos circulantes dos não circulantes. 

Ativos Circulantes:

  • caixa e bancos
  • duplicadas a receber
  • aplicações financeiras
  • estoques

Passivos circulantes:

  • fornecedores a pagar
  • impostos a pagar
  • salários a pagar
  • empréstimo de curto prazo

Uma vez que já se sabe identificar os passivos e ativos de curto prazo é hora de calcular o giro do CGL. Então, vamos calcular o capital de giro líquido da empresa X.

Gestão de capital de giro, conheça os seus aliados.

Os ativos circulantes da empresa somaram $470, enquanto os passivos circulantes somaram $620. Neste caso, o capital de giro líquido será de -$150. Ou seja, a empresa está com dificuldades de liquidez. Por isso, os administradores financeiros devem procurar meios de abastecer seu caixa para cobrir este vácuo.

Dessa forma, geralmente, aumentos nas disponibilidades resolvem este problema, o que pode ser feito através de empréstimo para capital de giro. No entanto, se a empresa persistir nesta situação por longos períodos, certamente entrará em insolvência e irá à falência.

Gestão de capital de giro, conheça os seus aliados.

COMO UTILIZAR O CAPITAL DE GIRO:

Além de calcular corretamente o Capital de Giro da empresa, é necessário saber utilizar esse recurso de forma assertiva.

Para isso, é importante reforçar que o Capital de Giro é o valor que a empresa possui para pagar as despesas operacionais do dia a dia, sejam elas despesas fixas ou gastos necessários a manutenção da operação.

Entendendo os valores da necessidade de Capital de Giro e qual é a dinâmica do Ciclo Operacional da empresa é possível fazer uma ótima gestão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.