Modalidades de Securitização

Modalidades de Securitização
Modalidades de Securitização

 A palavra securitização começou a ser usada desde a década de 70. O termo tem origem americana, que está ligado à prática de hipoteca dos Estados Unidos. Com o passar dos anos, a atividade começou a ser utilizada em outros setores, como automóveis e cartões de créditos.

As 4 modalidades de securitização mais conhecida no Brasil:

Modalidades de Securitização

Companhias Securitizadoras de Créditos Imobiliários:

O que é Securitizadoras de Créditos Imobiliários: É o processo realizado pelas Companhias Securitizadoras que adquirem Créditos Imobiliários para lastreada em títulos imobiliários (Certificados de Recebíveis Imobiliários – CRIs) que serão negociados no Mercado de Capitais.

Tipos de securitizadoras de créditos imobiliários:

  • True Sale;
  • Cessão de Carteira;
  • Locação;
  • CRI Corporativo.

Para que serve a Securitizadoras de Créditos Imobiliários: Com os recursos captados de investidores, as companhias securitizadoras podem pagar os créditos adquiridos ou comprar novos créditos imobiliários, alimentando a atividade imobiliária operacional, a partir do adiantamento de receitas para as empresas originadoras dos créditos.

Modalidades de Securitização

Companhias Securitizadoras de Ativos Empresariais:

O que é Securitizadoras de Ativos Empresariais: São Sociedades de Propósito Específico – SPE, instituições não financeiras, constituídas com objetivo exclusivo para aquisição e securitização de “Ativos Empresariais”, oriundos de operações praticadas por empresas, indústria, comerciais, ou de serviços (originadores), com fluxo de recebimento futuro, representados por duplicatas, cheques pré-datados, recebíveis de cartão de crédito, contratos de aluguéis, contratos de fornecimento de mercadorias ou produtos, para entrega futura e outros, tendo sua base legal e fundamento nas Leis 6.404/76 (S.A.); 10.406/02 (CCB); Lei 9.718/98 (Tributação).

Para que serve a Securitizadoras de Ativos Empresariais:Essa figura é o cedente ou o originário que vai oferecer os direitos creditório à securitizadora. É quem vende a dívida à vista para a instituição financeira responsável por transformá-la em investimento.

Modalidades de Securitização

Companhias Securitizadoras de Créditos Financeiros:

O que é Securitizadoras de Créditos Financeiros: A securitizadora funciona como intermediadora da operação entre cedente e investidor. É essa instituição financeira que transforma as dívidas em ativos, que podem ser emitidos como títulos ou valores mobiliários. 

Para que serve a Securitizadoras de Créditos Financeiros: Sua finalidade é adquirir créditos financeiros, podendo captar recursos apenas mediante emissão de debêntures simples lastreadas nesses créditos.

Modalidades de Securitização

Companhias Securitizadoras de Créditos do Agronegócio:

As companhias securitizadoras de direitos creditórios do agronegócio são instituições não financeiras constituídas sob a forma de sociedade por ações e terão por finalidade a aquisição e securitização desses direitos e a emissão e colocação de Certificados de Recebíveis do Agronegócio no mercado financeiro e de capitais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.